4 dicas para recuperar o orçamento familiar depois do regresso às aulas

Educação, Euroticket Creche, Euroticket Estudante, Euroticket Formação

regresso as aulas ferias

A época de regresso às aulas é sempre marcada por um maior esforço financeiro, que pode desestabilizar o orçamento da família. Entre os manuais, os novos materiais, roupa, calçado, e a adaptação a novas rotinas para miúdos e graúdos, as contas podem ficar para último na lista das preocupações. Por isso, deixamos-lhe 4 dicas para recuperar o orçamento familiar depois do regresso às aulas:

Olhar novamente para o orçamento regular e ajustar, se necessário

Nada como olhar para o orçamento familiar recorrente, para o recuperar. O mês de setembro é atípico para o orçamento de qualquer família. Por isso, para voltar à normalidade, sugerimos que olhe novamente para as receitas e despesas regulares nos restantes meses no ano. Se o novo ano letivo trouxe consigo alguma variante nova às contas mensais do agregado, (por exemplo uma nova mensalidade de uma atividade extra curricular, propinas, etc) este é o momento para atualizar o orçamento.

Calcular as despesas

Para o auxiliar na primeira dica deste artigo, recomendamos que use a calculadora de despesas. Trata-se de uma folha de Excel onde pode apontar todas as despesas fixas – que já sabe que terá durante todo o ano – assim como as variáveis ou inesperadas. Deve também anotar as receitas para que verifique o saldo disponível. Desta forma, conseguirá ter uma melhor perceção do seu orçamento nos meses anteriores e prevê-lo para os meses futuros

Utilizar o desmotivador de compras

Para recuperar o equilíbrio das contas familiares depois do regresso às aulas, pode ser necessário ter mais contenção nas despesas variáveis. Nomeadamente nas compras. Para o ajudar nesse processo racional de ponderar se a compra é de facto imprescindível, recomendamos que use o desmotivador de compras. O que esta ferramenta faz é calcular, a partir do valor que ganha à hora pelo seu trabalho, o número de horas que terá de trabalhar para adquirir determinado bem ou serviço. Ver as compras desta perspetiva permite filtrar o que é realmente necessário. E a experiência diz-nos que este desmotivador de compras desempenha bastante bem o seu papel.

Optar por planos em família gratuitos

Como referimos, uma das formas para recuperar o orçamento familiar depois do regresso às aulas é diminuir a despesa. Isto nos gastos mais dispensáveis, claro. Por isso, uma das formas de poupar algum dinheiro é adaptar os programas de fim de semana, feriados ou interrupções escolares. Por exemplo:

  • Antes de irem ao cinema, ponderem procurar na televisão dois ou três filmes que agradem a toda a família, façam pipocas e aproveitem o serão;
  • Organizem uma tarde de pintura ou de fotografia (onde os mais pequenos também podem fazer os seus registos originais) e aproveitem para personalizar a decoração da casa.

Com estas 4 dicas simples conseguirá recuperar o equilíbrio do orçamento familiar depois de um dos períodos conturbados do ano para as contas – o regresso às aulas.

Partilhe este artigo:

We connect,
you win