Futuro brilhante? Aumente as competências dos jovens!

Educação

competencias-dos-jovens-edenred-atividades

Flexibilidade, propósito, colaboração, emoção e partilha. Estas são algumas das características disruptivas que marcam a geração de novos líderes. Sim, “mudam-se os tempos, mudam-se as vontades”, mas uma coisa é certa, o je ne sais quoi das gerações Millennial e Z deve-se a mais do que a uma simples mudança de costumes…

A verdade é que estas são as gerações mais qualificadas de sempre e, ao que parece, tudo graças aos papás Boomers, que sempre se empenharam em investir e diversificar na educação dos seus filhos! A tendência é mesmo esta. Por isso, invista no aumento das competências dos jovens para, no futuro, concretizarem todo o seu potencial!

Para que possa tirar o melhor partido das ferramentas disponíveis na educação dos mais jovens lá de casa, contamos-lhe tudo sobre a importância da educação diferenciada no desenvolvimento da personalidade.

  1. Invista nas competências curriculares
    As atividades extracurriculares são fundamentais para aumentar as competências dos jovens!
    Sim, a escola é essencial na aprendizagem dos miúdos, mas há muitas coisas que não fazem parte dos programas escolares e que são verdadeiramente importantes para o desenvolvimento das crianças, como é o caso da música! Inúmeros estudos comprovam que aprender um instrumento ou o simples contacto com a música potencia o raciocínio lógico e abstrato, a memória e o desenvolvimento cognitivo, motor e emocional!
  2. As competências dos jovens também são culturais
    Jovens cultos são crianças cheias de mundo! Sabia que uma simples mudança de ambiente traz imensos benefícios para o cérebro das crianças? Viagens, passeios, visitas a museus, todas estas atividades impactam o bem-estar, a felicidade e o desenvolvimento cognitivo dos mais novos! Pois é, conhecer novos locais, culturas e objetos, não só diminui os níveis de stress e potencia a facilidade de aprendizagem, como molda a forma de apreender e de interpretar o mundo, fortalecendo relações afetivas e propiciando a tolerância e a valorização da diversidade! Tudo competências dos jovens que serão muito valorizadas no futuro.

    Ler, ler e ler mais! Não há maior estímulo para a imaginação e para a interpretação do que um livro! Este é um hábito difícil de manter, por isso, deve ser enraizado desde cedo. A famosa história antes de dormir nunca fez mais sentido! A discussão da narrativa e a alteração da história são ótimos exercícios após a leitura, que farão toda a diferença no desenvolvimento de características que hoje são cada vez mais cobiçadas!

  3. Desenvolva as competências sociais

    Exercício Físico! Sabia que a prática de exercício físico não só evita problemas de saúde física, como promove o desenvolvimento social e cognitivo? Pois é, existe uma razão para a Educação Física ser uma disciplina obrigatória em todos os anos escolares e parece que está relacionada com melhorias significativas no desempenho académico dos alunos! Porque não inscrever os miúdos num qualquer desporto? Futebol, dança, natação, as opções são infinitas e todas cheias de benefícios a curto, médio e longo prazo!

Então e a brincadeira? No que se refere ao desenvolvimento emocional e cognitivo, brincar sozinho ou com os pares é essencial! Quando brincam, as crianças desenvolvem inúmeras capacidades que os tornarão jovens e adultos mais competentes. Nós deixamos-lhe alguns exemplos:

  • Quando os mais novos se aventuram em novas brincadeiras, melhoram o conhecimento que têm de si próprios! Correr, cair, desequilibrar—se, todas estas coisas contribuem pra um melhor conhecimento do corpo e dos seus limites!
  • Ao brincarem juntas, as crianças aprendem a negociar umas com as outras para resolver divergências. Todos nós sabemos o quão importante é encontrar compromissos e fazer cedências na vida adulta! Desenvolver esta competência em jovem é fundamental para os adultos
  • Até as brincadeiras têm regras, por isso, numa atividade tão divertida e leve como o brincar, as crianças aprendem a respeitar os seus limites e os dos demais!
  • Já ficou irritado por perder um jogo? Pois é, ao brincarem em conjunto, os mais novos passam pelo mesmo, o que os faz ganhar capacidades emocionais e mecanismos de adaptação a circunstâncias que considera adversas! Não há melhor remédio para aprender a lidar com a frustração do que a brincadeira!

Só boas notícias? A verdade é que todas estas coisas contribuem para o desenvolvimento de mais competências dos jovens! A melhor parte? As soluções de Educação Euroticket ajudam-no neste desafio que é a educação dos mais novos! Desde a compra de livros, material escolar, pagamento de mensalidades e inscrições em ATL, campos de férias ou atividades extracurriculares, as opções são várias quando o objetivo é ambicioso!

Partilhe este artigo:

We connect,
you win